Como é ser turista no frio Europeu

Olá viajantes, tudo bem?

Estou mais ou menos na metade da minha viagem de quase 4 meses pela Europa. Por mais de um ano planejamos essa viagem e como as estações do ano por aqui são muito definidas, já sabíamos que iríamos enfrentar temperaturas baixas, outono e inverno Europeu.

A gente vive no Centro-Oeste do Brasil, com temperaturas próximas dos 30º praticamente o ano todo e nosso inverno é algo como 20º com raríssimas exceções. Isso nos faz amar muito o frio e a “novidade”. Já faz tempo que nossas viagens ao exterior sempre são em épocas frias e mesmo ali pertinho de casa, na Argentina, escolhemos o inverno e pegamos temperaturas negativas na Patagônia, falei sobre essa viagem aqui nesse post.

Frio em Praga

Ou seja, viagens no frio são a nossa alegria, a gente já coleciona um arsenal de guerra tanto bom de roupas quentinhas e dessa vez pensamos que não ia ser diferente. Frio Europeu, aí vamos nós!

Mas, tem alguns poréns…

Começamos a viagem no outono na Espanha, tudo lindo, temperaturas caindo, mas não tão baixas. Coisa de 13 graus um dia ali, 18 outro lá… Normal, tipo Amore, põe um casaco porque lá fora já está frio, disse meu marido algumas vezes em Toledo, onde ficamos 1 mês.

Após a Espanha, passamos por Londres e ali o bicho começou a pegar. O frio é legal, o Outono é lindo mas vou te falar uma coisa: cansa! Não que eu não goste mais, ou que ache ruim essas folhas multicoloridas e o chão coberto de amarelo para deixar as fotos parecendo cartões postais. Mas é que eu vou embora antes da Primavera, antes do Verão. Eu escuto todos os dias alguém dizer, ah, isso no verão é mais lindo ou no verão funciona, mas no inverno estamos fechados. As reformas de tudo quanto há, acontecem no inverno. As manutenções de lugares públicos, atrações, brinquedos, tudo no inverno. Os dias acabam cedo, o sol mal dá as caras e logo se vai. Isso quando não fica nublado e chove o dia todo.

Frio em Londres/2018

O esquema de coloca roupas pesadas, luvas, cachecol e gorro… entra em qualquer lugar fechado, incluindo estações de metrô, cafés, ou qualquer comércio… tira tudo. Começa a suar se não tirar logo. Fica ali 20 minutos, sai no frio de novo, coloca tudo de novo, outra vez…. faz isso 3x ou 4x ao dia, cansou?! … pois é… A gente que é turista e fica batendo perna o dia todo cansa dessa rotina do frio. Se você trabalha num escritório, chega lá cedo, tira tudo, trabalha normal, ao fim do dia coloca tudo de novo e vai embora é ok. Mas seja um visitante fazendo esse ritual e mais, fazendo poses para fotos no frio, carregando bolsa com água, câmera, tripé, luva, gorro, cachecol, blusa extra (vai que esfria mais), segurando o celular no vento para olhar o trajeto do Uber, e lá vem a neve, molha tudo enquanto o maps localiza a cafeteria mais próxima para dar uma esquentada. Todos os dias, por dias e dias ou meses e meses…

Frio com sol vai bem!

É engraçado, mas com o tempo eu entendi o porquê minha amiga americana é louca pelo sol e pela luz do dia. Não entendia muito quando ela dizia vamos! Olha que dia lindo faz lá fora. E eu dizia, dãã, todos os dias são lindos lá fora, aqui no Brasil. Hoje eu entendo, eles comemoram dias lindos porque eles tem prazo para acabar.

Enfim, o Outono e Inverno tem suas belezas e encantos, mas eles deixam sua viagem incompleta, faltando atrações, sensações e certamente sobrando preguiça de sair de cama e enfrentar o termômetro abaixo de zero para turistar e aproveitar seu tempo naquele lugar mágico.

A beleza das cores do Outono – Londres/2018

Mas vale dizer que se fosse Primavera ou Verão, iríamos sentir falta de ver tudo colorido de Outono ou branquinho de neve de Inverno. O bom meeeeesmo é passar o ano inteiro aqui, assim seus problemas todos acabam! Hahah

Como são as temperaturas?

As temperaturas vão caindo gradativamente, dia a dia. Começamos com uns 20º e hoje estamos na casa dos 2º. O Outono começa no final de setembro e vai até dezembro, quando chega de fato o Inverno. Os meses de janeiro e fevereiro costumam ser os mais frios e depois, em março a temperatura começa a subir de novo, ficando mais amena em abril.

O dia dura pouco

Uma das coisas do Inverno que incomoda numa viagem maior é que o dia dura pouco. A luz do dia, eu quero dizer. O Sol nasce por volta das 8h00 e se vai por volta das 16h00. São menos horas por dia com luz solar e isso faz uma diferença danada na sua rotina. As lojas abrem mais tarde, fecham mais cedo. As pessoas ficam mais reclusas, os bares e restaurantes às vezes aproveitam para tirar férias nesse período.

Londres por volta das 17:00 – Outono/2018

Numa viagem de 7 ou 10 dias, talvez isso não seja um incômodo.Você tem muita coisa a fazer, aproveita o final do dia em um museu ou shopping fechado e logo volta pro calor de casa, já querendo a próxima viagem no inverno. Mas em uma viagem como a minha, mais longa, a gente tem o turismo para conciliar com a vida de trabalhar remotamente. Às vezes, antes de sairmos temos algum trabalho a fazer, quando saímos por volta de 13:00 já está super “tarde”, o sol logo já estará se pondo.

E como são as roupas de inverno?

A questão das roupas é ainda mais dramática! Que drama! kkk… Mas é o seguinte, por 7 dias ou coisa pouca que dura uma viagem de férias, qualquer look é lindo, você se esforça para usar aquelas roupas de frio que quase não saem do armário do Brasil, mesmo se não forem super confortáveis. Você topa sair de bota estilosa, usar salto quem sabe.

No meu caso estamos falando de quase 4 meses fora de casa, pegando voos econômicos, pagando franquias excedentes de bagagem e ou seja, preciso ser prática. Não tenho o luxo de 2 malas de 23kg por pessoa. Só na Ryanair, empresa Low Cost que opera voos baratíssimos na Europa, eu tenho 11 voos reservados, todos eles eu pago cerca de 50 Euros por cada mala despachada. Faz uma conta de padeiro aí, rapidamente… Fez? Inviável né?! Não tenho grana para puxar a casa sobre rodas, ou seja, eu preciso ser resumida em minhas opções de looks e isso quer dizer, usar todos os dias o mesmo casaco, a mesma bota e ir revesando cachecóis e toucas, para pelo menos parecer que eu troco de roupas! hahaha…

Todo mundo pronto pro Inverno?

A ideia que algumas pessoas fazem de colocar camadas e camadas de roupas para segurar o frio não faz sentido na prática. O resultado é você ficar inflada, desconfortável, provavelmente sem caber em todas suas roupas uma vez quem uma sobre a outra faz muito volume e adivinha, você ainda vai sentir frio!

O certo é, use as roupas corretas. Uma camada de segunda pele, bem fininha de algodão que mantenha a temperatura do corpo, a segunda uma blusa mais bonitinha de lã e um bom casaco. De preferência um casaco a prova d´água e que impeça o vento de entrar. Isso quer dizer um casaco caro!

Aí começa o outro dilema caso você não esteja com o orçamento folgado, como é o nosso caso, pois essas roupas custam caro. Coisa de 100 Euros para mais, um bom casaco. Para um casal, já são 200 Euros só para começar. Fora que você sente vontade de variar, de usar um dia preto, outro dia bege, outro dia vermelho. Uma bota marrom, uma preta, uma peludinha, uma salto alto, uma esportiva, uma social. Hehehe…
Como eu já disse, passar 4 meses usando as mesmas roupas é cansatiiiivo, por falta de uma palavra melhor.

Veja aqui uma ótica dica de onde comprar roupa de inverno BBB: boa, bonita e barata na Europa.

O clima afeta o humor das pessoas?

Ah sim, isso é cientificamente comprovado! Existe inclusive uma tipo de depressão associada ao clima, em países muito frio. Em minha nada-profissional-opinião acredito que o sol traga inúmeros benefícios para a saúde e o mais importante deles, a vitamina D. Ela é um forte agente pró-saúde, contribui para um bom metabolismo, previne doenças, faz o organismo trabalhar melhor e no fim, ela é sinônimo de felicidade. Ou seja, países onde as pessoas não veem o Sol, onde o Sol aparece rapidamente, chove muito, fica muito nublado os índices de doenças são maiores. A depressão faz parte delas, as pessoas ficam mais reclusas e menos ativas. Pratica-se menos esportes, come-se mais, convive-se menos com os vizinhos, colegas e tudo converge para você mofar em casa, sozinha, no frio e comendo mais!

Haja café pra dar conta do frio!

Isso pode ser um exagero?! Sim, pode ser. Mas pode ser a pura verdade, especialmente em países com inverno super rigoroso, como é o caso da Rússia, Canadá, Norte do USA e alguns mais que fazem temperaturas na casa dos -20º. Isso quer dizer alguns metros de neve na porta da sua casa todos os dias por mais de 3 meses. Isso quer dizer que para pôr o lixo na rua você precisa se agasalhar, vestir luvas, touca, cachecol, meias, botas e etc. Isso quer dizer que você precisa ferver água e jogá-la no para-brisas do seu carro para derreter a neve para poder dirigir. O combustível do carro pode congelar, a bateria do Iphone não resiste e seu telefone desliga sozinho do nada. Gente, é uma loucura!

Qual desses é o seu carro?!

Em geral, em países com estações do ano bem definidas, as pessoas se programam para fazer tuuuudo no verão. Elas se casam no verão, viajam no verão, tiram férias no verão. Os batizados e festas eletivas são no verão, os picnics nos parques, as caminhadas no fim de tarde. O dia que vai até as 21h00, a alegria das pessoas em curtir tudo porque jajá lá vem o frio outra vez.

Dizem que se as estações do ano fossem dias da semana, a Primavera seria a sexta-feira, um dia bom, que todos gostam e que antecede coisa boa. O Verão seria o sábado, todo mundo feliz, cheio de energia, de planos, sem hora pra nada. O Outono seria o domingo, que não é ruim de tudo, mas anuncia que o melhor já passou. E o Inverno seria de segunda a quinta-feira, onde todos estão cumprindo suas obrigações, fazendo o dia a dia rolar, mas estão de olho na sexta-feira que está por vir. Hehe… Será?! Alguém aí concorda?

Praga com o sol se pondo antes das 17:00

Em caso de viagens como a minha, a gente fica imaginando como seria aquilo ali cheio de gente, de cor, de vida! Todos comentam: “no verão funcionaremos até mais tarde”; “no verão as opções são maiores”; “os passeios no verão são abundantes”; “se fosse no verão, você iria aproveitar muito mais” … Gente! Que vontade de ficar nessa Europa até o verão chegar!

Qual a estação favorita de vocês para viajar?

5 Replies to “Como é ser turista no frio Europeu”

  1. Lindo post, mas apesar de tanto frio tem a beleza da natureza, este tom amarelado que é minha cor preferida, mas realmente td demais é ruím. Ainda assim aproveite td, pois é uma experiencia sem igual. Beijos e Deus os abençõe!!! 🙌🏻🙏😍

  2. Ah! Nesses dias estamos passando por isso aqui. Há muito tempo não chove tanto aqui ju. A academia fica mais vazia, os dias ficam mais tristes. A verdade é que no fundo preferimos dias quentes , as pessoas saem de casa , tem mais motivação para os exercícios. Dias frios , só ser for por pouco tempo haha .
    Excelente depoimento esse seu, porque as pessoas não sabem como é difícil viver num clima tão frio assim. Por isso que os estrangeiros adoram vir para cá . 👏🏽👏🏽👏🏽 😘😘

    1. Sim, somos o país do sol, cerveja e dias lindos. Todo mundo ama o Brasil porque não tem inverno, em sua maior parte. Dias nublados, menores e sem sol, são muito tristes mesmo. Estamos na Italia, e o sol aparece mais dias por aqui, graças a Deus. Beijão e até o próximo!

Deixe uma resposta para Juliana Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *